sábado, 20 de abril de 2013

Exercícios resolvidos Linux Básico.


01) Visualizando a saída do comando “ls –l” abaixo, qual dos arquivos é um arquivo executável?

-rw-r--r-- 1 convidado convidado 0 2011-08-02 21:38 executavel
-rw-r--r-- 1 convidado convidado 0 2011-08-02 21:38 script_2
-rw-r--r-x 1 convidado convidado 0 2011-08-02 21:39 script_3

A coluna de permissões (- rw- r-- r-x) é subdividida em 4 colunas:
No caso do arquivo scrip_3 temos:

1ª) Informa o tipo de arquivo:
O sinal de menos (-) indica que é um arquivo comum.
Pode ser um texto puro que contém um código para ser executado/interpretado
ou pode ser um arquivo binário/compilado.
Ela pode conter também:
“l” (L de limão) sempre em minúsculo indicando um link/atalho
“d” (D de dado) sempre em minúsculo indicando um diretório/pasta

2ª) Informa as permissões do Dono do arquivo:
No caso do arquivo script_3 temos:
“r” Indica que o dono pode ler o arquivo (read)
“w” Indica que o dono pode modificar o arquivo ou escrever nele (write)
“-” Sinal de menos, indica que NÃO há permissão. Se houvesse alguma haveria um
“x” no lugar do “-”

3ª) Informa as permissões de grupos de usuários:
No caso do arquivo script_3 temos:
“r” Indica que o grupo pode ler.
“-” Indica que não há permissões para o grupo. Caso contrário seria um “w”
“-” Indica que não há permissões para o grupo. Caso contrário seria um “x”

4ª) Informa as permissões para os demais usuários do sistema:
“r” Indica que os demais podem ler.
“-” Indica que não há permissões p/ demais usuários. Caso contrário seria um “w”
“x” Indica que os demais usuário tem permissão para Executar/Rodar o arquivo.

Por isso o único arquivo executável nesta listagem é o script_3

02) Visualizando a saída do comando “ls –l” abaixo, qual dos arquivos é o que possui mais dados?

-rw-r--r-- 1 convidado convidado 0 2010-08-02 21:38 executavel
-rw-r--r-- 1 convidado convidado 0 2010-08-02 21:38 script_2
-rw-r--r-x convidado convidado 0 2010-08-02 21:39 script_3

Todos tem o mesmo tamanho e são arquivos vazios.

03) Para impedir que haja problemas você precisa tirar somente a permissão de gravação do arquivo abaixo. Qual comando e sintaxe você deve utilizar?

-rw-r--r-- 1 convidado convidado 167 2010-03-03 20:58 examples.desktop
chmod u-w examples.desktop

04) Lendo o manual de instalação de um produto específico você foi instruído a permissionar o diretório de dados com a permissão 777. Qual o potencial problema deste pemissionamento?

Ele libera permissão de escrita/modificação para qualquer usuário logado no sistemas. Logo as modificações deste diretório perdem o controle.

05) Crie o diretório “/tmp/dados” e mude o dono do diretório para o usuário “dados”. Caso o usuário “dados” não exista crie-o.

cd /tmp
mkdir dados
adduser dados
chown dados dados

06) Adicione o grupo “usuarios_restritos” e mude o grupo do diretório “/tmp/dados para “usuarios_restritos”.

addgroup usuarios_restritos
chown dados:usuarios_restritos dados/

07) Você precisa criar um usuário para liberar acesso para a equipe do ERP. Crie o usuário chamado “suporte3” com a senha “novasenha3#”.

Adduser suporte3



Digite a nova senha UNIX:novasenha3#
Redigite a nova senha UNIX: novasenha3#

08) Altere a senha do usuário “suporte3” para “L1nux3#2011”.

passwd suporte3
Digite a nova senha UNIX:L1nux3#2011
Redigite a nova senha UNIX:L1nux3#2011

09) Converta a permissão “-r-x---rwx” para a o formato octal.

507

10) Converta a permissão “dr--r--r--“ para o formato octal.

444

11) Qual será a permissão do arquivo “teste_2” após a execução do comando “chmod o=x teste_2”?

-rw-r----x ou 640

12) Qual o formato octal para tirar todas as pemissões de um arquivo ou diretório?

000 o comoando seria  chmod 000 arquivo

13) Crie um arquivo chamado “/tmp/exercício_vi” com a saída do comando “ls–l /”.

cd /tmp
ls -l / >> exercicio_vi

14) Abra o arquivo “/tmp/exercício_vi” com o editor de textos vi e faça execute os passos abaixo:

a. Mova o curso para a última linha utilizando o comando de atalho para isso.
R: G (shift g)

b. Copie a última linha e cole-a no começo do arquivo utilizando os comandos de
atalhos para isso. (copiar, mover o cursor para o início do arquivo e colar)
R: yy gg p

c. Procure a palavra “vmlinuz” utilizando o comando de atalho para busca e delete todas as entradas desta palavra utilizando o comando de atalho.
R: /vmlinuz dw n dw n dw n até apagar todas as recorrência da palavra buscada.

d. Salve o arquivo.
R: ESC (para garantir que esta no modo comando) :w

e. Vá para o final do arquivo e insira uma linha em branco e seu Nome.
R: G o Fernando

f. Salve o arquivo
R: ESC :w

g. Saia do editor de textos Vi.
R: ESC (sempre gosto de garantir que esta em modo de comando) :q

terça-feira, 4 de setembro de 2012

Codinome Cassius 7

Um filmaço que resolvi assistir nesta noite. Já fazia um tempo que não assistia um filme que me fizesse pensar um pouco e especular sobre o seu desfecho antes que realmente acabasse.

O que eu mais gostei mesmo foram suas reviravoltas. Na primeira metade do filme uma revelação surpreendente que me fez exclamar:

-Pô! Isso ai deveria ficar para o final do filme!

Depois disso entende-se porque de tal revelação no meio do filme. Porque é meio clichê quase óbvio. E com essa revelação no meio do filme seu final ficou mais surpreendente.

Para quem quiser, fica ai a dica. MAS ATENÇÃO, NÃO É UM FILME PARA ASSISTIR JUNTO COM AS CRIANÇAS. TEM IMAGENS DE PESSOAS MORTAS, QUE NÃO SÃO NADA AGRADÁVEIS PARA ELAS.


Crackers Usam Ferramenta de Manutenção Remota como Trojan


Crackers estão usando uma ferramenta de manutenção remota, a NetWire (que pode ser utilizada para monitorar computadores com Windows, Mac OS X, Linux e Solaris), como se fosse um trojan. dessa forma, as empresas de software antivírus responderam, identificando o programa como se fosse um malware. Nesse contexto, a World Wired Labs, descreveu o NetWire como uma aplicação de manutenção remota estendida. O aplicativo host pode ser executado em Windows, várias versões de Linux, Mac OS X e Solaris, enquanto que o cliente "administrator workstation", que pode ser controlado a partir de um servidor, só pode ser executado no Windows. A versão básica custa R$ 65, a versão Pro, (que pode ser estendida com add-ons), custa US $ 105. Os preços para a versão avançada estão disponíveis mediante solicitação prévia.

Ferramenta de manutenção remota está sendo reconhecida como malware, devido a mais uma façanha de cibercriminosos

A empresa considera NetWire uma ferramenta altamente confiável para manutenção remota de infra-estrutura de negócios, pois ela é capaz de ultrapassar as barreiras do sistema operacional. A conexão entre o cliente e o servidor é protegida por criptografia AES,  sendo limitada a uma única porta TCP. Mas a empresa também anuncia "requisitos especiais de acesso remoto", além de outros métodos de monitoramento. Neste caso, NetWire monitora todos os processos e ainda gera screenshots.

Nesse contexto, há uma ênfase é sobre a capacidade de NetWire na utilização de proxy reverso para passar através de qualquer firewall ou roteador, a sua capacidade de ler as senhas do navegador (a partir de qualquer navegador), e o fato de que seu keylogger não exige privilégios de administrador. Extensões para sniffing de senhas e registros de conversas em mensagens instantâneas também estão no pipeline. Sob essa ótica, a ferramenta de manutenção remota começa a parecer muito com um "trojan toolkit".


Saiba Mais:

[1] World Wired Labs http://www.worldwiredlabs.com/
[2] Heise On-line http://www.h-online.com/security/new...n-1697425.html

Fonte:
http://under-linux.org/crackers-usam-ferramenta-de-manutencao-remota-como-trojan-5219/

sábado, 1 de setembro de 2012

Causos aleatórios de uma vida - parte 1


São 15 para às 8 da manhã do primeiro sábado de setembro de 2012, que também é o primeiro dia deste mês. Já estou a mais de uma hora acordado. Na verdade uma de minhas gatas me acordou batendo em meu rosto para pedir comida. Dei o que ela queria, voltei para cama e desde então não consigo voltar a dormir. O que é bem estranho, porque ontem a noite fui direto do trabalho para pegar a estrada rumo a Blumenau,  para festejar o aniversário de uma das primas de minha esposa. Levamos duas horas para chegar lá e depois duas horas para voltar. Eu voltei dirigindo, chegamos eram quase duas da manhã, e como é Sábado, pow, eu poderia dormir até meio dia. Mas tudo bem, não deveria continuar mesmo, é um desperdício de luz do dia. Ouvi essa frase em um filme da Disney e gostei muito, achei engraçado. E outra coisa que eu não deveria desperdiçar são meus pensamentos. Você já teve a sensação de ter o seu cérebro fervendo? Não digo fervendo como algo desconfortável mas sim que ele não consegue sossegar. Seja por causa de uma ideia ou de várias. E é por isso que estou escrevendo isso.

Nesta manhã meu cérebro fervia com o que ferve, acredito eu, o cérebro de todas as pessoas. Acumular dinheiro. Estive planejando de entrar em contato com algum banco e conversar com alguém para verificar uma forma de investimento que me auxiliasse a fortalecer o hábito de guardar um percentual de minha renda de forma a acumular um bom valor a longo prazo. E ao imaginar a conversa com o gerente do banco ou quem quer que fosse logo me veio a mente um dos causos de minha vida que me deixou decepcionado com o Bando do Brasil. Vou contar pra vocês:

Um belo dia minha digníssima esposa e eu decidimos que deveríamos tornar a conta dela uma conta conjunta comigo. Então fomos até a agencia do BB referente a dita conta para realizar os procedimentos. O atendente, que foi muito prestativo, educado etc e tal; ou seja, foi profissional, perguntou se eu também era cliente do Bando do Brasil, respondi que sim, o atendente reagiu positivamente o que me levou a crer que este fato iria facilitar os procedimentos. Ledo engano, o fato simplesmente revelou que a relação de um banco ou do Bando do Brasil, é a relação cliente/fornecedor mais esquisita do mundo. Por falta de palavra melhor, é a mais esdrúxula.

Desconsiderando todo um histórico de coisas boas e facilidades que o banco possa ter oferecido em minha vida e principalmente a alta tecnologia dos anos 2000 (do qual nossa infância esperava por carros e skates voadores), isso sim é o que me deixa mais indignado; o BB então prefere atravancar o relacionamento optando pela tão mal falada e culpada de grandes atrasos deste país, BUROCRACIA, ou devo dizer como aprendi com um professor, BURRO-cracia. Os meus dados registrados na outra agencia do BB não servia para o procedimento de transformação da conta de minha esposa em uma conta conjunta. E o banco teve a cara de pau, de solicitar que eu fosse até a agencia de minha conta para atualizar os meus dados. Nós até fomos lá, esperamos mais um pouco na fila para então ouvir outros dois absurdos:

1- O tipo de folha de pagamento que eu apresentei não era aceito pela AGENCIA.
"WATAH...." Uma folha igual todas as outras que já vi, com todas as informações essenciais como, CNPJ da empresa, meu CPF, meu salário, etc e tal

2- As outra agencias do BB poderiam até aceitar aquele tipo de folha de pagamento mas aquela não.
Que raios de instituição nacional é essa que dentro da uma mesma cidade, suas agencias separadas por no máximo Um quilômetro e meio não tem um padrão de comportamento, procedimentos, regras e tratamento do cliente?

Resultado:
Minha esposa e eu não fizemos a alteração que desejávamos e não iremos mais fazer. Porque o BB é ótimo para muitas coisas, até o momento em que você precisa ir pessoalmente resolver algo. Ai fica tudo enrolado e mais difícil do que resolver sozinho.
Outro resultado ruim é que agora quando penso em investimentos eu não penso mais no Banco do Brasil. Porque ao pensar nisto, eu penso em pedir orientação, que requer lidar com pessoas dentro do BB, que vai enrolar tudo e vou perder tempo, e vou sair de lá insatisfeito.

Mas apesar de tudo isso, continuo sendo cliente do BB. Mas quer saber porque? Por conveniência. Porque a maioria de minhas transações financeiras esta envolvida com outros clientes do Banco do Brasil, como meu patrão, que por sinal esta negociando o uso de conta salário dos funcionários dele com outro banco.

Resumindo, meu relacionamento com o BB para o resto de minha vida não vai passar de uma poupança que sequer vai acumular mil Reais. E quando chegar o momento em que eu puder fazer investimentos mais interessantes, eu irei procurar outro banco. Na verdade até mesmo para simplesmente melhorar meu hábito de poupar eu irei procurar outro banco.

Passar bem BB.

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Locadora Virtual Joinvillense

Nesta noite eu assisti um filmaço. Fúria de Titãs 2. A produção ficou bem melhor do que a do primeiro, aonde só na sena do Kraken e uma poucas outras com monstros ficaram boas. No restante do primeiro filme eu sentia como se estivesse assistindo um episódio de Xena ou Hércules.


Mas não é sobre o filme que eu quero escrever e sim de onde eu o obtive. Quem me conhece vai dizer:
- Aff grades coisa, você alugou, como sempre faz.
- Sim verdade, mas paguei mais barato do que o usual.
- Ahh... então deixou de ser fresco e comprou um pirata?
- Também não porém melhor do que ter pago menos no aluguel; o DVD ORIGINAL, foi entregue na porta de minha casa, como se eu tivesse pedido uma pizza!
- Sério? Meu que massa! Qual a locadora que faz isso?
-  Ahh, agora sim você vai ficar de cara. Foi de uma locadora virtual, e o que eu achei mais legal ainda, é uma empresa aqui de Joinville mesmo. A princípio eu achava que era alguma franquia.

Estou falando da www.filmeecia.com.br. O aluguel é barato, não cobra frete para entregar, e muito menos para recolher o filme.

Hoje o valor do que eu chamaria de uma entrega avulsa sai por R$ 5,00. Mas você também pode contratar um pacote com mais entregas/filmes. Por exemplo 10 entregas/filmes por R$ 20,00 ou
18 entregas/filmes por R$ 50,00. Neste último pacote você terá 5 dias para devolver cada filme alugado e um ano para consumir esse pacote de 18 entregas/filmes.

Meu é barato de mais, e ainda com entrega e coleta gratuíta!!! É uma perdição total na preguiça. E se ainda incluírem no site a possibilidade de pedir uma pipoca, uns salgadinhos e refri... Ai eu diria; Dano-se, passaria féria vendo filmes, hehe.

É muito show de bola, vai mais uma vez ai o nome do site:

www.filmeecia.com.br.

E pra não ficarmos apenas com a careta sem graça do Hércules e sua trupe, vai ai umas caretinhas mais animas do filme que eu assisti ontem, bem como umas do primeiro filme.

segunda-feira, 18 de junho de 2012

Internet Explorer 7, loja online cobra mais com IE7

Internet Explorer 7, loja online cobra mais a utilizadores de IE7. Taxa extra é aplicada exclusivamente a browser da Microsoft.


Uma loja online da Austrália cobra uma taxa extra a utilizadores do browser da Microsoft, o Internet Explorer 7. De acordo com a notificação da Kogan, a taxa extra - de 6,8% - é cobrada pelo montante de tempo necessário para que as páginas apareçam correctamente no IE7.

O website da loja online australiana recomenda, entretanto, a utilização de outros browsers populares de forma a que os utilizadores evitem pagar a taxa extra - Google Chrome, Apple Safari, Mozilla Firefox e Opera Web Browser.


Com um certo sentido de humor à mistura, os visitantes do website que efectuarem compras através do IE7 são ainda alertados pela loja: parece que o seu administrador de sistema esteve em coma durante os últimos 5 anos e ainda continua a usar o IE7. Para fazermos da Internet um lugar melhor, vai ser-lhe cobrado uma taxa de 6,8% pelas suas compras, afirma.

O que acham os leitores? Que browsers é que utilizam frequentemente?